O que é ser ambientalmente sustentável?

 

Sustentabilidade

Uma palavra grande. Um conceito. Um modo de vida. Ser sustentável é meta de quem busca uma vida equilibrada. O conceito alia economia, vida em sociedade, cultura e meio ambiente.

DSC_0215Março começa com o Escolha Verde lançando uma série de reflexões sobre como podemos ser mais sustentáveis em nosso cotidiano. A vida nas cidades pede praticidade, cobra pressa. Mas é possível conciliar! Cada vez tem mais gente pensando assim.  O professor da Universidade Tecnológica Federal do Paraná,  Eloy Casagrande,  diz que os nossos avós eram mais sustentáveis que a gente. Eles tinham horta, animais, cuidavam do lixo e da água. “Hoje, na cidade, tudo é fácil. As coisas parecem gratuitas: lixo desaparece, água e luz é só apertar botão.” Mas ele garante que é possível fazer escolhas sustentáveis. Como andar de bicicleta ou pegar os transporte coletivo, reduzir o consumo de energia elétrica. “Todas essas coisas são importantes. Quando soma, há uma grande diferença.”

A palavra sustentabilidade tem base no termo “desenvolvimento sustentável”, usado pela primeira vez pela ex-primeira ministra norueguesa Gro Brundtland, em 1987. Num documento das Nações Unidas ela definiu que “desenvolvimento sustentável significa suprir as necessidades do presente sem afetar a habilidade das gerações futuras de suprirem as próprias necessidades”. Não dá pra ser sustentável, portanto, gerando montanhas de lixo, morando em casas que desperdiçam energia e água, dirigindo carros que queimam recursos naturais não renováveis, poluem a atmosfera e quase sempre transportam só uma pessoa!

A pressão exercida pelo consumo humano sobre a natureza já pode ser medida. É a Pegada Ecológica. No Brasil cada pessoa consome o equivalente a 2,9 hectares globais, média muito próxima ao consumo mundial (de 2,7 hectares globais por habitante). Padrão estável. Mas na última década caiu a capacidade de recuperação biológica com a degradação dos ecossistemas. A professora Gilda Amaral, da PUC, especialista em Gestão Pública e Planejamento Urbano enfatiza que  as questões que podemos minimizar devem entrar na cultura do cidadão, que começa a se formar ainda quando criança. “Nossa presença tem que ter aspectos para minimizar impactos nas questões urbanas. Você se conscientizar que também é responsável! Você se sentir pertencente a este espaço vivo que é a cidade.”

Curitiba tem população estimada em 1.879.355 habitantes, conforme o IBGE, em 2015.
Curitiba tem população estimada em 1.879.355 habitantes, conforme o IBGE, em 2015.

Jogar comida no lixo, por exemplo, não pode! E um terço de todos os alimentos produzidos no mundo a cada ano, cerca de 300 milhões de toneladas, não vai pra mesa. Comida que poderia alimentar mais de 800 milhões de pessoas. E olha que nosso sistema de produzir alimentos é ruim. Gera 80% do desmatamento. É a principal causa da perda de espécies e de biodiversidade. Responde por mais de 70% do consumo de água doce do planeta. E tem ainda o impacto gerado pelos pesticidas e embalagens não degradáveis. Jessica Pertili se especializou em gestão ambiental e a casa dela funciona como um laboratório de vida sustentável A intenção é reduzir a pegada da família. “A gente reduz repensando o que consome e substituindo alguns produtos.” Pra isso, nada de artigos muito industrializados ou produzidos em regiões distantes e com muitas embalagens.

Ser ambientalmente sustentável é um aprendizado! De acordo com estudos das Nações Unidas, para manter o atual padrão de consumo a humanidade precisará de dois planetas Terra já em 2030. O estilo de vida adotado nos últimos cem anos, não vai nos sustentar agora no século 21.

Outras frases

“A gente não tem que esperar tudo do governo. Cada um sabe o que faz….Eu me sinto mais leve. Busco viver mais leve e de bem com o Planeta.”
Jessica Pertili – especialista em gestão ambiental

“Ser simples é enxergar o outro, o coletivo. E deixar também para as futuras gerações. Se você  não pensa em você, no seu filho, no seu neto… qual o sentido da vida?
Eloy Casagrande – especialista em Sustentabilidade UTFPR

Esse é o primeiro de uma série de cinco textos sobre sustentabilidade em nosso dia a dia. Veja também

O lixo de todo dia – Sustentabilidade 2

O lixo de todo dia – Sustentabilidade 2

Soluções em moradia – Sustentabilidade 3

Soluções em moradia – Sustentabilidade 3

Responsabilidade pública e você – Sustentabilidade 4

Responsabilidade pública e você – Sustentabilidade 4

Vivendo o Conceito – Sustentabilidade 5

Vivendo o conceito – Sustentabilidade 5

Um Comentário para: “O que é ser ambientalmente sustentável?

  1. Pingback: Vivendo o conceito – Sustentabilidade 5 – Gislene Bastos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*